22.12.09

Criança tem cada uma!!!

Minha linda e espevitada sobrinha postiça, num dia sonhado, disse de 'sopetão': "Tia Mila, por que quando gostamos das pessoas, nem sempre elas gostam também? Eu não quero ser gente grande; gente grande não sorri, não brinca, são muito brabos!"; e eu, na minha surpresa pela pergunta embora tenha vindo de um projeto de gente mais que sapeca, quis responder de uma forma que a cabecinha dela não ficasse pinel como a da tia (Pois!rs). Acho que consegui, pois minutos depois, ela estava mais traquina do que nunca e por alguns instantes quis ser a mãe dela para poder usar a autoridade que os pais têm. Ah, tem horas que ela fica impossível...rs!!!

Mas sua pergunta, apesar de direcionada, fez passar em minha cabeça um filme, com direito a tudo de uma vez só: aventura, comédia, drama, religiosidade, história, guerra, intrigas, amizade e claro, romance. Um filme de uns anos não tão distantes, de pessoas não tão presentes, de momentos nem sempre bons, de horas que valeram por uma eternidade. Um filme que me fez compreender como alguns passos fazem toda a diferença quando se trata de todo uma vida, de todo um alvorecer de possiblidades; e aí, não interessa o anseio de alguns por um espaço exclusivo, o desejo camuflado de um brilho solitário, do sentimento ferido pelo amor que não mais lhe pertence, ainda que esteja a seu lado; dos sorrisos espontâneos e quase infantis revelando a riqueza de um sentimento puro, fraternal, o olhar carnal e ao mesmo tempo cândido, ainda que sob a esfera de uma força maior que a sua, impedindo-o de ver; a esperança no trabalho realizado com competência e vontade de fazer diferente, as energias que se confluem mesmo com muitos contrários, a dúvida nas palavras que querem a verdade pra si, os interesses que regem o todo, os infindos aprendizados, as vaidades, as demonstrações de amor, de carinho sinceros e leais; enfim...
...fez-me novamente refletir que algumas
coisas que alicercam nossa vida são conquistadas minuto a minuto, são desejadas de hora em hora, são-nos apresentadas segundo a segundo e que, mais que nós, há todo um 'universo' de energias congregando-se por mim, por você, por todos. Talvez por isso, já não me surpreenda com 'n' situações, pessoas, atitudes, nem mesmo as minhas. Vou vivendo...fazendo a minha parte e assim, diferente de 2008 e maravilhosamente agradecida pelo 2009 (que trouxe coisas que nenhuma linha pode apagar!), sigo rumo ao próximo, ainda crendo que somos fruto de nossas escolhas, que a verdade é o melhor caminho, que o amor faz milagres e que o trabalho feito com este e com determinação, nunca é em vão, que seguir seu coração e consciência sempre valerá a pena!
Então, com um sentimento de paz e fé, desejo a todos um Feliz Natal e um 2010 de vitórias, de saúde, de conquistas, de amor, de muito trabalho e muitos sorrisos, de música, comunidades? hehehe...sim, de união e verdade; a mesma que me faz sorrir feliz ao ver a esperança nos olhos das minhas pessoas, de sentir o 'pensamento' saudoso e sincero das minhas 'passagens', a mesma satisfação ao perceber que meu trabalho está caminhando quando vejo braços abertos para mim, dizendo: 'seja bem-vindo!', ao ver meu 1° dindo dizer que tem coisas que não nos compete mudar, nem mesmo julgar, pois se estão lá é porque têm que estar, que se acontecem, um motivo demos, uma razão tem. Assim creio!

Aos que eu não puder contactar, mesmo estando a apenas alguns mínimos quilômetros distantes de mim, e que sabem fazer parte de uma forma singular em minha vida, um carinho de forma particular que me representa para cada um e que saberão ser meu!

Ps: No final das contas, depois da resposta da tia Mila, minha sobrinha agarrou-se a mim com o ímpeto que a inocência de uma criança traduz, abraçando-me com vontade e estalando um gostoso e sincero beijo em meu rosto. Não preciso dizer o quanto gostei de tal ato da minha pequena traquina, né?!

Até 2010!



4 comentários:

Luana disse...

Feliz 2010 pra gente, amiga! Mas não vá achando q eu me conformei c esse 'oi' a mínimos quilômetros de distancia, nao.

Ainda nos veremos...para que as crianças q pulam dentro de nós se abracem!

Amém!

Du disse...

Dona coisinhaaaa queridaaaaa!!!!

"A Melhor mensagem de Natal é aquela que sai em silêncio
de nossos corações e aquece com ternura os corações daqueles que nos acompanham em nossa caminhada pela vida"

Desejo a você e sua família
um Feliz Natal e um Ano Novo cheio de Paz,Amor, Saúde e Amizade.

Beijo no coração!

Virginia Diniz disse...

Mensagem linda querida! Digna de textos que foram vividos com alma, de serem (muito bem) traduzidos com as letras. Deus te abençoe e que tenhas tb um Felia Natal.
Dizem que as palavras são os tijogos que constroem nosso mundo. E que basta ver a forma como alguém se expressa, para entender seu mundo de significados. Seu mundo, aqui, pareceu-me fantástico. Igual o meu :-) Deus te abençoe, mais uma vez. Vi. Abraços. Mesmo de longe.rs

Fruitydrop disse...

bjaooooo desta criança que te adora a largos kilomtros!! mas perto no coração!