25.1.08

Que tal sorrir pra vida?!

Conversando com um amigo sobre as voltas que a vida dá, eu parei pra pensar. Conversa vai conversa vem, a gente chegou num consenso:
Você fica a vida toda esperando a felicidade bater à sua porta; e nesse meio tempo, deixa passar pessoas, momentos, aprendizados e prazeres à sua volta sem se dar conta.E aí, quando você percebe a situação, culpa a todos, menos a si mesmo.

Sinceramente, deixar o tempo correr sem absorver tudo que ele tem de bom pra nos dar é mais que teimosia ou alienação, é burrice!


Você sempre tem a opção de escolher, e essa escolha trará consequências (boas ou não!). Há sempre um sentido. Há sempre um caminho. Há sempre alguém. E se isso acontece, por que não fazer valer?!

Então, em 2008, que tal começar executando metas, sorrindo mais das coisas que te acontecem, lembrando que seu problema não é maior que o de muitos, e que nem por isso, estes deixam de viver.

Escolha. Escolha muito. Tente sempre que a vida de propuser uma nova chance, e quando perceber que essa chance ainda não é a sua, não se lamente, e sim, siga adiante. Lembre-se sempre que os segundos que você perde agora, não voltarão mais.Então, viver e viver e viver!

Que 2008 seja para todos apenas o princípio!!!

3 comentários:

Luca disse...

Eu tenho todos os motivos de 2007 para não sorrir, salvo a certeza que tenho pessoas tão lindas e maravilhosas como tu, sabia?
Te amo, amiga!
E te amo mais ainda, agora, que tens um blog!
:-p

Xêruuuuuuuuuuuuuuuu

Alberto Junior disse...

É, Dona Reis...
Tava precisando ouvir[ler] um pouco mais dos seus minutos de sabedoria!
Agora se não posso te ver, eu te lerei!
Que bom!
Bjus

Polyana Amorim disse...

aê, a rainha tá de blog.
agora ela tem um veículo pra relatar toda sua agitada vida de radialista.

=D

xeru, nega!